domingo, 25 de agosto de 2013

''- Orando e Agradecendo - Bom Dia ''

Deus, eu gostaria de te dizer tantas coisas... Faltam-me palavras. Aprendi a orar de um jeito diferente, sem dogmas, padrões e palavras prontas, oro em atitudes, acredito mais nelas do que em promessas. Oro sempre que olho no fundo dos olhos de alguém e provoco uma reflexão positiva. Oro na possibilidade da ajuda concreta, seja limpando uma casa, trabalhando com uma equipe ou pensando conjuntamente na resolução de um problema. Oro quando acredito que mesmo diante das maiores dificuldades é possível encontrar algo positivo. Oro quando relevo uma grosseria. Oro quando consigo ajudar uma pessoa a perceber os potenciais incríveis que ela carrega dentro de si. Oro quando acaricio um cachorro no parque. Oro quando acredito em dias melhores, mesmo quando a tristeza devasta as minhas emoções e fere a minha paz. Oro quando sorrio para uma criança, um idoso ou um desconhecido, simplesmente para sentir a conexão da generosidade que liga todos nós na teia da vida. Oro quando sinto a plenitude de um pôr do sol. Oro quando acordo mais um dia pela manhã e agradeço a oportunidade de estar viva. Oro quando não fico te pedindo coisas feito uma criança mimada, mas quando peço forças para ir além, seja por mim ou por mais alguém. Oro quando sorrio para mim mesma diante do espelho e penso: Mais um dia para tornar especial!

Sabe, Deus, talvez eu esteja mais ligada a você do que imagino, eu só não havia parado para analisar o que de fato significa orar. Então, Amém!

Lígia Guerra